segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

COMO AGIR DIANTE DE UM PASSADO RUIM


Em uma de minhas viagens um fato peculiar aconteceu. Uma senhora se equivocou e embarcou em um ônibus no estado de São Paulo com destino à Nanuque, uma cidade no estado de Minas


Gerais. O destino que a senhora pretendia ir era Curitiba, a capital do estado do Paraná, através deste engano a senhora viajou varias horas, crente que o ônibus estava indo para Curitiba. O tempo foi passando, e a viagem não apresentava nenhuma evidencia de estar seguindo em direção a Curitiba, então a Senhora perguntou ao companheiro que estava ao seu lado sobre o percurso da viagem, e este lhe disse, que aquele ônibus não estava indo para Curitiba, a mulher ficou muito triste por ter embarcado no ônibus errado e na primeira parada após ter tido a noticia que tinha embarcado erroneamente ela saiu do ônibus e embarcou em outro ônibus com destino de retornar a sua cidade de origem.


O homem somente pode obter a salvação se houver em sua vida o arrependimento dos erros cometidos, o verdadeiro arrependimento faz com que se afastemos do pecado, especificamente aquele de rejeitar a Cristo e sua verdade, e voltemos ao caminho verdadeiro, o que nos leva ao Senhor Deus e a uma vida feliz, destino o qual todos nos aspiramos.


O arrependimento que Cristo exige não é a atitude de lamentar acontecimentos trágicos e sentir apenas remorso pelo os erros cometidos. Olhe o exemplo de Judas, esse homem sentiu tanto ódio e desprezo pela a atitude imoral que praticou que chegou a cometer o suicídio, um outro erro horrível. Muitas pessoas sofrem com seus erros, porém não conseguem se levantar espiritualmente, assim perecem em seus lamentos, ficam decepcionadas com elas mesmas, com o fato de não terem logrado obter atitudes corretas no passado. Para alcançar a salvação em Cristo é necessário arrependimento genuíno, o reconhecimento de culpa pelos os erros e delitos, sentir tristeza pelo o pecado. O Espírito Santo através do arrependimento faz com que a pessoa fique sensível espiritualmente, sinta dor pelo o pecado e chegue ao senso de repudio ao pecado, a pessoa deve dar lugar ao desejo de abandonar o erro.


O arrependimento age na esfera da intelectualidade no homem, causa uma mudança de pensamento, neste período a pessoa desenvolve um intenso contato com Deus e percebe que tem que mudar seu estilo de vida. Através da verdade divina ministrada no coração, o homem pondera as atitudes que vem praticando até então, e sente que não está bem espiritualmente.


Ao se dar conta que está em um caminho equivocado, e que o seu modo de se comportar tem sido inadequado, o indivíduo começa sofrer reações emocionais, passa sentir um grande desgosto por estar se comportando duvidosamente, desenvolve um sentimento de desprezo pelo o pecado, surge um grande temor por ter ofendido a Deus com os erros que vem cometendo.


A Pessoa começa a desenvolver a vontade de voltar para Deus, o desejo de caminhar em uma direção diferente. A palavra que descreve isso é “metanoia” ressalta o lado pratico do arrependimento, ou seja, quando acontece o arrependimento, acontece também uma mudança radical de atitude, há uma conversão, é necessário dar uma meia volta e direcionar a vida para caminhar nos preceitos divinos.


Como resultado de um arrependimento de coração o homem alcança o perdão de Deus. “Deixe o perverso o seu caminho, o iníquo os seus pensamentos; converta-se ao Senhor que se compadecerá dele, e volte-se para o nosso Deus, porque é rico em perdoar”.


Ev. Marciel Gama (Coordenador do Instituto teologico da Assembleia de Deus em Arapoti e colunista do jornal de Arapoti)


Um comentário:

Pastor Robson disse...

Parabéns Ev. Marciel Gama pelo seu blog!

Quanto ao texto sobre arrependimento. Creio que é a atitude de arrependimento e nao banalizaçao do pecado que nos garante, a salvaçao, pela graça de Deus, por meio da fé

Pr Robson Brito